Arrependimento verdadeiro

O arrependimento verdadeiro é a chave da nossa salvação. Ele está acima das nossas convicções religiosas ou ações humanitárias. Jesus é aquele que sonda os corações, por isso, conhece até nossas intenções mais íntimas.

Um texto que ilustra bem a importância do verdadeiro arrependimento está no livro de Mateus, capítulo 21. Através de uma parábola Jesus surpreende príncipes dos sacerdotes e anciãos de povo. Após ser questionado acerca de assuntos polêmicos - com o claro objetivo de ser incriminado por aqueles homens religiosos – Cristo conta a seguinte história. 

“Um homem tinha dois filhos, e, dirigindo-se ao primeiro, disse: Filho, vá trabalhar hoje na minha vinha. Ele, porém, respondendo, disse: Não quero. Mas depois, arrependendo-se, foi. E, dirigindo-se ao segundo, falou-lhe de igual modo; e, respondendo ele, disse: Eu vou, senhor; e não foi. Qual dos dois fez a vontade do pai? Disseram-lhe eles: O primeiro. Disse-lhes Jesus: Em verdade vos digo que os publicanos e as meretrizes entram adiante de vós no reino de Deus”, Mateus 21:28-31.

A dura mensagem de Jesus revela-nos que o verdadeiro arrependimento vem do coração. A boca serve para confissão, mas a transformação das nossas vidas se dá na sinceridade com Jesus, na confissão de nossas falhas e transgressões. Por isso, hoje, não fique apenas prometendo ao Pai, dizendo que irá até a vinha. Verdadeiramente vá! Se entregue a Cristo e viva a certeza de morar com Ele nos Céus.

Jesus não se importa com classe social, muito menos com o que a sociedade pensa sobre você. Se você se arrepender e se entregar Ele é poderoso para mudar a sua história. Deus abençoe sua vida.

A IGREJA CAMINHA PELA FÉ

Não chore!!! 10 motivos para parar de chorar